A Alegria de Aprender em Qualquer Lugar

Quando nascemos somos livres! Observamos uma criança que cresce e sentimos a sua liberdade… à medida que cresce e aos poucos, a sua alegria, a sua liberdade diminui. Vivemos numa sociedade e desde muito cedo agarramo-nos a crenças, regras para pertencermos a grupos e, sem muitas vezes darmos por isso, a nossa liberdade é engolida! Fazemos comparações, julgamentos sobre a vida dos outros, daquilo que gostávamos de ter e não temos… enfim! 

A organização da sociedade é tal que na escolha das crianças irem para escola, nem se questiona se haverá outra alternativa à educação. O mundo não se criou com a escola, mas sim com seres que se relacionam entre si. A escola é um acréscimo da forma como a sociedade se foi formando. As escolas não vivem os melhores momentos até pelo contrário, e o que fazemos para melhorar?

Nesta família optamos por dar um ensino mais adequado e centrado na criança. Escolhemos o ensino doméstico e com ele toda a educação que a família proporciona nestes moldes. Estamos abertos ao mundo e não estamos fechados em quatro paredes, a socialização é feita com pessoas de todas as idades, o currículo não se baseia apenas nos manuais escolares, mas numa vastidão de interesses e opções que podemos escolher conhecer, a qualquer hora e em qualquer momento. Por ser professora, tenho a possibilidade de atravessar diferentes pedagogias, e faço isso entre o tradicional e Montessori.

Damos ênfase aos valores humanos, à liberdade,  ao respeito, ao autocuidado e cuidado do outro, à aprendizagem de todos (família e pais). Partilhamos amor e paz!

Em Portugal o ensino doméstico está regulamentado pelo Decreto-Lei nº 70/2021, segue algumas regras, no entanto todas as famílias podem escolher este tipo de ensino. E em qualquer altura podemos voltar à escola, ou vice-versa.

Quanto aos pais, não há qualquer ajuda. É como se não existissem, é como se fossem desempregados porque não descontam, não estão a trabalhar! Então é preciso, não só organizar a vida de forma a não faltar nada, mas também perceber que só um grande amor nos move! Por aqui o pai trabalha e a mãe professora, guia Montessori, para além de estar e ensinar a criança durante o dia, arranja tempo para ter o seu projeto online acompanhando famílias que desejam educar os seus filhos “sem caixa”.

A liberdade é um valor enorme e dar a possibilidade de a criança ser livre depende das nossas escolhas!

Estamos juntas pelas nossas crianças!

Maria Montessori